Segunda-feira, 20/11/2017. Boa noite. Seja Bem-vindo(a)!

Cursos

CURSOS

OBJETIVOS

Curso de atualização permanente baseado no guia de tratamento da American Psychiatric Association (APA), nas diretrizes da Associação Médica Brasileira (AMB) e na experiência de mais de trinta anos do autor.

 

MÓDULOS

 A RELAÇÃO COM O PACIENTE E O SENTIMENTO DE QUEM O TRATA
 DIAGNÓSTICO DAS (INÚMERAS) DEPRESSÕES
 DIAGNÓSTICO DOS (VÁRIOS) T. BIPOLARES
 DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL
 TRATANDO AS DEPRESSÕES NO MUNDO REAL
 MEDICAMENTOS PARA AS DEPRESSÕES
 PSICOTERAPIAS PARA AS DEPRESSÕES
 TRATANDO OS T. BIPOLARES NO MUNDO REAL
 SUICÍDIO
 ANTIDEPRESSIVOS EM PACIENTES QUE APRESENTAM DOENÇAS ORGÂNICAS
 INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS
 GRAVIDEZ
 AMAMENTAÇÃO
 ESCALAS DE AVALIAÇÃO DA DEPRESSÃO
 AS CLASSIFICAÇÕES
 FUNÇÕES DA DEPRESSÃO
 O FUTURO
 NOVIDADES QUE ACRESCENTAM

 

Palavra do Professor Ver Módulos

Prezados colegas: 

 O curso é diferente dos demais cursos. A começar pelo fato do professor estar na labuta diária do atendimento dos pacientes depressivos e bipolares (“gente como a gente”). Quem está na prática sabe bem o quanto o mundo real é diferente do academicismo e do modismo gerado por pesquisas realizadas com amostras “puras”, “limpas”. 
Curso sempre atualizado: por ser on-line (e não livro), seu texto é constantemente modificado em acordo com as pesquisas e os consensos mais recentes. 
Consulta rápida: o formato predominantemente em texto, sem maiores “efeitos especiais”, permite que seja utilizado como consulta no dia-a-dia dos consultórios, ambulatórios e hospitais. 
Elaborado para os colegas psiquiatras: como já conhecem o problema, o curso servirá para atualização e para a observação de como um colega com mais de trinta de anos de profissão age no dia-a-dia; encontrarão nele dicas e macetes. Os psiquiatras, pelos conhecimentos que já possuem, aproveitarão todo o conteúdo do curso; os demais terão dificuldades em alguns módulos. 
Também é dirigido a médicos de outras especialidades que tratam depressão, como neurologistas e médicos da saúde coletiva, entre outros; bem sabemos que a maioria dos pacientes com transtornos psiquiátricos é atendida por médico não-psiquiatra; pesquisa recente realizada na Holanda confirma: Van Rijswijk E, Borghuis M, Van de Lisdonk E, Zitman F, Van Weel C. Treatment of mental health problems in general practice: a survey of psychotropics prescribed and other treatments provided. International Journal of Clinical Pharmacology and Therapeutics 45:23-29, nº 1, jan 2007.        
Psicólogos que aplicam psicoterapia nestes pacientes encontrarão um longo capítulo a respeito. Profissionais da área da saúde mental que queiram se aprofundar no tema aproveitarão grande parte do curso. Biólogos e geneticistas poderão observar como as pesquisas em neurobiologia chegam a população usuária. Familiares, amigos e colegas de pacientes (alguns capítulos são de difícil compreensão para leigos) poderão perceber a complexidade dos tratamentos. Pacientes poderão compreender o porquê dos procedimentos adotados nos seus tratamentos. O curso também poderá ser útil a jornalistas que estejam se especializando em jornalismo científico.       
Atenciosamente, 
Dr. Jorge Alberto Salton